Por que essa ansiedade e esse desespero para ser notado?

É dia de ir ao culto para os jovens (reunião de mocidade em alguns lugares, encontro, enfim seja qual for o nome dado aí na sua igreja). Ela se arruma, faz as unhas, penteia os cabelos umas trinta vezes, alisa, faz prancha, desmonta o guarda roupa à procura da roupa perfeita, se olha no espelho, tira fotos, tira muitas fotos para postar nas redes sociais...
As horas passam e ansiedade aumenta porque aquele irmãozinho lindo vai estar lá. Tenho que estar perfeita, tenho que estar linda... Checo os últimos detalhes, sapatos, bolsa.

Ele escolhe a melhor camisa, a gravata também precisa combinar, terno alinhado, sapatos ok, arruma o cabelo, faz o topete, gel, escova, secador, dá o nó na gravata, olha no espelho e diz:

“É hoje, varão! Toma uma iniciativa, fala com a moça”.

Enfim, o grande momento: o culto está acontecendo. Ele está aqui, ela está aqui, o pensamento está nos sorrisos, o olhar, o cabelo lindo dela, tentam olhar para a frente, mas não dá.
É assim que acontece né? (Risos).

Qual moça, e qual moço também não viveu, e ainda vive isso?
Essa ansiedade por estar bonita pra ele, por falar a coisa certa pra ela, por talvez quem sabe ser o dia em que Deus fará aquele milagre (Risos).

E as coisas andam tão complicadas no meio dos jovens cristãos, não é mesmo? Nos sentimos tão inseguros, a roupa nunca está boa o suficiente, a gravata está ruim, não sabemos o que falar, aí vem os pensamentos:


“Ah ele conhece tantas moças lindas”, “ela conhece tantos moços lindos, não vai me querer”.


Se faz necessário realmente cuidar da aparência, querer estar bonito e bonita para falar com as irmãzinhas, e ensaiar o que falar na frente do espelho para não fazer feio... Mas será que  realmente adianta toda essa insegurança e ansiedade?

Com a ditadura da beleza existente no mundo, tem se tornado cada dia menos puro e “bonitinho” toda essa situação, as moças e os moços levam isso a sério demais, e acabam por cuidar somente do corpo, se esquecendo de regar as virtudes e aquilo que tem de bom do lado de dentro, tornam-se cada dia mais inseguros e despreparados para um casamento.

E respira se você está achando que esse texto é mais uma daqueles que dizem: “Ah beleza não é o mais importante”, “O que importa é beleza interior”. A beleza é importante sim, mas realmente ela não precisa e não deve ser o que nos motiva, e a vaidade deve ser controlada, é preciso ter equilíbrio.

Moça, você não precisa mostrar o seu corpo e modificar o seu cabelo para que o irmãozinho olhe pra você no culto (até porque é um culto, né?). E, se precisar, pensa bem se o erro está em você ou nele que só irá te enxergar se você fizer isso.

Toda essa malícia que está no nosso meio, toda essa vaidade exagerada, é entristecedora e preocupante. Afinal, o que sustenta um casamento?


Acima de tudo, porém, revistam-se do amor, que é o elo perfeito. Que a paz de Cristo seja o juiz em seu coração, visto que vocês foram chamados para viver em paz, como membros de um só corpo. E sejam agradecidos. Habite ricamente em vocês a palavra de Cristo; ensinem e aconselhem-se uns aos outros com toda a sabedoria e cantem salmos, hinos e cânticos espirituais com gratidão a Deus em seu coração. Tudo o que fizerem, seja em palavra seja em ação, façam-no em nome do Senhor Jesus, dando por meio dele graças a Deus Pai.
Colossenses 3:14-17

Amizade, amor, união e, principalmente, Deus.  Então, por que esse desespero para ser notado? Por que sujeitar-se à vaidade exagerada só para conquistar aquele moço bonito?Não, não precisa disso, menina.

Moço você não tem que se preocupar em beijá-la para mostrar que é homem, você não tem que ter o cabelo da moda para chamar atenção dela, ela vai gostar de você pelo coração generoso que você tem, pela sua educação e carinho com seus pais, por você ser responsável e trabalhador, por você amar a Deus e ser dedicado em servi-Lo. E por estas coisas que ela vai gostar de você.

Ele vai gostar de você, moça. Vai gostar dessa sua simplicidade, do seu cabelo, da sua roupa, do jeito que você canta e fala de Deus sempre com alegria. E mesmo quando você errar, mesmo quando ele ver algum defeito em você, ele não vai te virar as costas, ele vai orar por você, vocês irão conversar e as coisas vão se encaixar perfeitamente. Ela vai te amar para sempre, porque o que é de Deus não tem prazo de validade, não é demais e nem de menos, os defeitos, os quilos a mais, a cor dos olhos, o falar, o andar, será lindo.


É melhor ter companhia do que estar sozinho, porque maior é a recompensa do trabalho de duas pessoas. Se um cair, o amigo pode ajudá-lo a levantar-se. Mas pobre do homem que cai e não tem quem o ajude a levantar-se! E, se dois dormirem juntos, vão manter-se aquecidos. Como, porém, manter-se aquecido sozinho? Um homem sozinho pode ser vencido, mas dois conseguem defender-se. Um cordão de três dobras não se rompe com facilidade.
Eclesiastes 4:9-12

Não é fácil essa espera, e a ansiedade, às vezes, nos faz tropeçar. Sempre tem aquela moça linda que vive chamando o moço para sair, para ficar, e diz que não tem problema, que é só um beijo e que toda a mocidade também está fazendo o mesmo.

É, é só um beijo, vazio, sem sentimento, não o levará a nada e muito menos a um amor verdadeiro, pois o que nos leva a um amor verdadeiro é a nossa oração.

Então se arrumem, se olhem no espelho, tirem fotos, busquem estar bem, busquem o trabalho, o estudo, falem com as moças, com os moços, se conheçam em santidade, busquem formar em si mesmos a responsabilidade para um casamento, e principalmente busquem a Deus, Ele vos dará o que é santo, o que é puro e verdadeiro. 

Por: Jeizi Vieira


Lembra-te

Nenhum comentário:

Postar um comentário