Qual a idade certa para namorar?

Depois de muito ler sobre o assunto e depois de ver várias perguntas do tipo, resolvi escrever um pouco sobre... Caso deseje sugerir algo a respeito do tema “RELACIONAMENTOS”, deixe nos comentários no final desse texto.

Enfim...

Existe uma idade certa para namorar? Se você procura uma resposta simples e direta logo no inicio do texto, meu amigo, eu vou ficar te devendo! Mas vamos lá, para responder tal questão, primeiro VOCÊ me responda: Qual o objetivo do namoro? O casamento? Se sim, ótimo! Isso significa que nós, cristãos, não devemos namorar pra passar o tempo, para ficar de “enrolação”, para saciar os desejos carnais ou apenas porque ‘todo mundo namora’.  O objetivo principal nada mais é ajudar um homem e uma mulher a decidir se querem se casar. Simples!

Sei que, muitas vezes, não adianta dizer aos jovens que namoro precoce é errado, que sexo antes do casamento é pecado, mas é algo que deve ser falado, por mais delicado que seja.  As igrejas estão infestadas de casos assim, infelizmente! Pais e mães estão cada vez mais deixando seus filhos ‘soltos’, veem seus filhos namorar, ficar por aí e, muitas vezes, não falam nada. Lembrando que, pregar a lei não funciona, não adianta corrigir seu filho ou aconselhá-lo dizendo apenas que ele precisa esperar, que sexo antes do casamento é fornicação e que namoro de crente tem que ser santo. Apenas oriente, no amor. Explique e deixe claro as consequências, e ele, por sua vez, lembrará do que está escrito em Efésios 6:2 e acatará todos seus conselhos.

"Honra a teu pai e a tua mãe, que é o primeiro mandamento com promessa."

Mas, Lucas, agora me responde, estou preparado para namorar?

Te respondo, parafraseando, uma série de perguntas da Dani Marques, do blog Salve Meu Casamento: você está preparado para formar uma família? Assumir todas responsabilidades? Está preparado para assumir todas dívidas, sejam elas: alimentação, saúde, etc.? Está pronto para respeitar seu cônjuge, ajudá-lo e amá-lo como a ti mesmo? Se a sua resposta for NÃO, então você não está preparado. Namorar sem esses pré-requisitos é apenas um passatempo.

Não case por uma necessidade carnal, case para formar uma família, case por amor, case por respeito. Procure um moço que tenha os mesmo sonhos que você tem na sua cabeça, que pensa em ir para o céu, que pensa em receber os dons de Deus. Peça para Deus preparar um moço que saiba conversar, que tenha diálogo. Ele pode até ser analfabeto, mas que ele tenha sentimentos e que não brinque com sua simplicidade. - Conselhos que aprendi na igreja


Por: Lucas Xavier



Lembra-te

13 comentários:

  1. parabéns Lucas gostei do seu ponto de vista!!!

    ResponderExcluir
  2. Interessante e isso mesmo ... A maioria dos jovens casam pra poder fazer sexo e depois de alguns meses se separam pq não tinha amor só tinha desejo é tesao.. Não namore pra casar case pra namorar..

    ResponderExcluir
  3. Agora quero lhe pergunta:
    Meu namorado ñ sendo crente da msm religião ou batizado e vive no mundo de idolatria eu gosto dele como farei pra q DEUS me ensine a vive outro amor msm ñ querendo????

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Netania Dornelas! Sei que sua pergunta foi direcionada ao Lucas Xavier, mas gostaria de lhe passar o que me aconteceu, pois eu já namorei um 'mundano' e pela misericórdia de DEUS e sua infinita bondade, ele me deu uma nova chance, e cobrou de mim obediência, foi sim muito ruim, pois havia sentimento, mas capaz é DEUS de nos dar valentia para fazermos o que é necessário, e para trabalhar em nosso sentimento, e colocar alegria em nossos corações!!Está escrito em II Aos CORÍNTIOS, 6;14 : Não nos prendeis a um julgo desigual com os infiéis; porque, que sociedade tem a justiça com a injustiça? E que comunhão tem a luz com as trevas? ... Por isso te aconselho a buscar de DEUS a direção, pode ser que ele tenha planos na vida do seu parceiro, mas caso contrario, peça a ele para lhe ajudar a fazer segundo a vontade dele! DEUS abençoe flor, beijos..

      Excluir
    2. Amém,msm a resposta for outra tenho que tenta esquece-lo esta sendo muito difícil pois conhece-o na internet e nem sei se é msm de confiança mas amei ele msm assim de longe o que faço além de buscar de DEUS???

      Excluir
    3. Netalia, eu diría para você pedir a guia de Deus e não para esquece-lo. Minha irmã mais velha namorou um "irmãozinho" que apenas trouxe dores de cabeça para todos nós e acabou se casando com um "mundano" que formou essa família descrita pelo rapaz que fez esse texto... Não se prenda a religião e sim ao devido respeito que mereça! Um abraço

      Excluir
  4. Gostei tem conteúdo ,ainda se pode ter um amor verdadeiro, casar por amor é não por prazer e respeitar os sentimentos eos sonhos um do outro .
    a vida nos trás pessoas basta a nos cuidar e proteger elas.
    encontrar alguém e difícil hj em dia geralmente e ficar e xau mas ja vi um olhar trocado fazer dois se apaixonarem e casar e viver por amor mas claro com erros e acertos....

    ResponderExcluir
  5. Nossa simplesmente melhor post de blogs que acompanho.. Parabéns Lucas

    ResponderExcluir
  6. Interessante a matéria
    O que não deixa de ser controvérsia de certa forma
    Não estou julgando, apenas expondo minha opinião
    Nasci e cresci na igreja e por graça e misericórdia de Deus ainda estou
    O que mais vi em todos esses anos foi casamento sendo desfeito por que não houve amor,porque não conheciam o seu parceiro(a) de verdade, seus costumes, hábitos, manias,enfim, não os conheciam
    O ponto que eu quero chegar é que, a igreja nos ensina que, namoro é pra casar, o que eu discordo, pra mim, namoro é cada dia mais conhecer a pessoa, cada dia mais aumentar o amor, saber se a pessoa com quem você está é a certa e quem você vai querer viver o resto de sua vida, ai então, chega a decisão do casamento.
    A igreja, a bíblia nos diz que sexo antes do casamento é pecado, é fornicação, logo, os jovens casam com 1,2 anos de namoro, tempo curtíssimo, porque se passar disso é mal testemunho, dá escândalo,e etc
    As pessoas, a igreja de certa maneira te empurra pra essa decisão
    O que leva a esses tipos de casamentos infelizes por se preciptar, por não ter certeza, porque a igreja impõe isso, e as vezes, leva a separação, que apesar de eu não achar certo, infelizmente leva ao fato de ambos os lados perderem sua " liberdade " na igreja e as vezes leva ao adultério, a violência doméstica, ao casamento infeliz e etc.
    Mas como disse, não generalizo, conheço casais que casaram com 1 ano de namoro e são muito felizes e abençoados, mas porque tinham a certeza.
    O que acho errado é dizer que crente namora pra casar, que o namoro já no começo tem que ser planejando um futuro casamento, que busca palavra pra casar, não pra namorar
    Mas assim, com toda essa pressão colocada sobre nós jovens cristãos nos leva a decisão certa ou a precipitação ? Ou a cobrança e tudo o que já foi mencionado?
    Namoro pea mim é conhecer a pessoa, amar, até que isso leve espontaneamente a decisão do casamento
    Sei que ninguém conhece ninguém por inteiro, mas quanto menos tempo, menos você conhece

    Novamente digo, esse não é um comentário te julgando, nem criticando, muito menos um comentário te alfinetando e sim, meu ponto de vista, que eu realmente espero que você leia e responda


    Fica com Deus, um beijo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Em minha opinião grande parte desses casamentos infelizes que levam a separação e perda da liberdade do casal, são causados pela imaturidade para o relacionamento. Como lemos no texto do Lucas, antes de pensarmos em namorar temos que nos questionar em relação algumas coisas, e certamente parte dos casais não se fazem essas perguntas, e muitos acham que o casamento são as mil maravilhas, e esquecem de diversas coisas que devem se esforçar para fazer um relacionamento funcionar. Concordo plenamente com você que os casais devem se conhecer melhor, saber como o outro reage a diversas situações, mas acima de tudo devemos ter temor em Deus, paciência com o outro, e maturidade para saber a hora certa de tomar decisões tão importantes como o casamento.

      Excluir
    2. Eu concordo com você, mas a decisão tem que partir de nós, não dos pais que precionam, da igreja que te dá prazos pra casar, dos irmãos da igreja dando prazo também " Já tem 3 anos de namoro, tem que casar, que mal testemunho, namoro depois de tantos anos não pode ser só namoro "
      São essas coisas que ouvimos e que nos leva ao casamento, e não era isso que devia nos levar à uma decisão tão séria.

      Excluir
  7. Primeiramente quero dizer que nao "namoramos" como as pessoas que são do mundo e nao obedecem a doutrina,mais nosso namoro é um namoro cristão,ou seja,para conhecermos o moço(a) melhor. E nao existe namoro com 12 a 14 anos de idade,os moços(as) devem esperar a sua imaturidade para iniciar um namoro cristão.
    Hoje vemos jovens casando tão novos,mais isso nao é culpa da igreja,em Ecl:3 diz: Há um tempo determinado para todo o proposito debaixo do céu.
    Devemos buscar a palavra que é guiada pelo espirito santo e se assim Deus confirmar, os dois devem noivar e esperar Deus preparar no tempo certo o casamento.
    E se nao for da vontade de Deus,os dois com temencia a Deus devem entender e acabar com todo esse sentimento entre ambos,mesmo que seja dificíl!

    ResponderExcluir